NotíciasPolícia

Polícia prende suspeito de matar e colocar fogo no corpo de homem por dívida de droga

Um jovem de 21 anos foi preso na quarta-feira (23) suspeito de matar e colocar fogo no corpo de um homem devido a uma dívida de drogas de R$ 500, em Aragarças. De acordo com a polícia, ele teve ajuda de um menor e outro comparsa, ainda não identificado.

O crime aconteceu em maio de 2018. O delegado Ricardo Galvão de Sousa contou que Wanderlei Luiz do Nascimento, de 32 anos, estava em uma casa com outros usuários de drogas quando Fabrício Arthur Silvestre de Souza chegou com os dois comparsas e o retirou a força.

G1 não conseguiu localizar a defesa do suspeito até a publicação dessa reportagem.

“No dia seguinte o corpo dele foi encontrado amarrado, com perfurações de faca e carbonizado. Na época do crime conseguimos localizar o menor, ele confessou a participação e deu informações sobre o Fabrício”, disse o delegado.

Desde então, a polícia tentava prendê-lo, mas ele estava foragido. Ele foi preso em Aragarças. De acordo com o delegado, ele negou ter cometido o crime. “Mas temos o depoimento do menor, que confessou participação na morte e as pessoas que estavam na casa também o reconheceram”, explicou Galvão.

Fabrício vai responder por homicídio qualificado e destruição de cadáver. Ele foi levado para o presídio de Aragarças. Agora a polícia vai pedir a internação do menor e vai tentar identificar o terceiro envolvido no homicídio.

Fonte:G1

Mostre mais