NotíciasPolícia

Amigos são presos suspeitos de estupro de menina de 5 anos em boca de fumo

Um rapaz de 22 anos foi preso na noite de terça-feira (19) suspeito de estuprar uma criança de 5 anos em uma boca de fumo na Vila João Vaz, em Goiânia. De acordo com a Polícia Civil, uma amiga dele, que também foi detida, levou a criança para o local.

A delegada responsável pelo caso, Caroline Barreto, explicou que a mãe da menina deixou a filha passear com a mulher que foi presa, pois também era amiga dela. Como elas estavam demorando, foi procurá-las e as encontrou na boca de fumo.

“Ela encontrou a filha na boca de fumo e, ao ver a criança, viu o rapaz com a mão no short da filha e gritou. Rapidamente, ele puxou o short para cima”, conta a delegada.

A mãe da vítima chamou a Polícia Militar, que levou a amiga dela e o suspeito para a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher. Em depoimento, eles negaram ter cometido o crime.

“Ambos negaram. A amiga falou que a menina não saiu dos cuidados dela. O rapaz nega ter tocado de forma libidinosa”, relata a investigadora.

O caso foi encaminhado nesta segunda-feira (20) para a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA). De acordo com Caroline, o próximo passo é tentar encontrar testemunhas.

“O suposto autor apontou uma testemunha que teria ficado o tempo todo com ele e que teria visto que ele não teria tocado na criança. Vamos tentar localizá-lo”, detalha a delegada.

Caroline informou que deve indiciar tanto o rapaz quanto a mulher por estupro de vulnerável, pois ela teria facilitado a ocorrência do crime. Caso sejam condenados, podem pegar de 8 a 15 anos de prisão.

Os suspeitos passaram por audiência de custódia na tarde desta segunda-feira. Na ocasião, o juiz Alexandre Bizotto determinou que eles continuem presos.

Fonte:G1

Mostre mais